BLOG

Benefícios Econômicos e Sociais da Expansão do Saneamento básico

O saneamento básico consiste em um conjunto de atividades que visam melhorar a qualidade de vida e a saúde da comunidade. O abastecimento de água potável, coleta e tratamento de esgoto, limpeza urbana, coleta e manejo de resíduos sólidos, manejo da água pluvial e o controle de pragas são algumas ações praticadas nesse sentido.

Quanto mais completo e bem-estruturado for o sistema de saneamento básico, mais qualidade de vida encontramos nas cidades. Afinal, as pessoas têm acesso à água limpa para suprir suas necessidades e a limpeza, em todos os sentidos, acontece evitando a poluição, proliferação de doenças e agentes patógenos.

Porém, o saneamento básico não traz apenas esse tipo de benefício, pois ele também traz impactos econômicos positivos, e é sobre isso que falaremos neste artigo. Continue lendo para entender quais são esses benefícios que vão além da saúde e estão relacionados com essas atividades.

 

Os impactos do saneamento básico em uma comunidade

Alguma vez você já parou para pensar na quantidade de pessoas que estão envolvidas nas atividades de saneamento básico de uma cidade? Já refletiu como seria a vida dos cidadãos se as cidades não tivessem esses recursos?

Qual empresa se instalaria em uma determinada região que não tivesse o suporte das atividades de saneamento básico? Será que algum turista visitaria um lugar onde ele não tivesse esses serviços à sua disposição?

Nem todo mundo tem essa visão, mas é muito importante entendermos o impacto que as atividades de saneamento exercem na economia, tanto de uma determinada região como de todo o Brasil e se estendendo a nível global.

O acesso à água potável, a coleta e tratamento de esgoto, bem como a limpeza urbana são fundamentais para garantir o mínimo de condições para que uma sociedade se mostre organizada. Quando isso não acontece, há maiores chances de ocorrerem doenças e o desenvolvimento dessa localidade é freado justamente em função da falta de recursos.

A falta de saneamento básico inibe a instalação de escolas, hospitais e outras instituições organizações que oferecem condições para uma comunidade prosperar. Diversas atividades ficam limitadas com a carência desses serviços básicos, incluindo as comerciais e industriais.

Isso caracteriza uma comunidade carente, cuja qualidade de vida é baixa em função da precariedade que vivencia, nesse ínterim, o crescimento econômico também não acontece. Assim, o saneamento básico, além de uma questão de saúde pública, é um fator econômico.

 

Saneamento básico e economia

As atividades de saneamento básico permitem que uma comunidade alcance ganhos econômicos e sociais concretos. Isso porque os recursos oferecidos por elas trazem impactos positivos para o setor de educação, saúde e turismo, e ainda trazem a valorização imobiliária influenciam a produtividade do trabalhador.

Tudo isso porque quando é feito esse tipo de investimento o setor promove geração de renda e emprego de forma direta, indireta e induzida. No primeiro sentido porque são necessários trabalhadores para desempenharem as tarefas, então, há um menor número de desempregados.

Essas pessoas passam a ter um poder aquisitivo e começam a movimentar a economia da região. Consequentemente, o comércio se expande trazendo recursos e opções para a localidade e, por sua vez, gera novos empregos também.

Empresas e indústrias veem uma opção de mercado e se instalam nessas regiões. Mais uma vez temos a geração de empregos e um olhar diferenciado para localização estratégica de organizações de um determinado setor.

Tudo isso promove o crescimento de uma cidade, por exemplo, com o recolhimento de tributos que possibilitam voltar investimentos para promover cada vez mais melhorias. E novamente tudo isso impacta a qualidade de vida da comunidade, atrai empresas e aquece o setor de turismo.

Trata-se de um ciclo iniciado, acredite, pelas atividades de saneamento básico. É verdade que uma comunidade pode existir sem eles, mas o seu crescimento e progresso se dá quando há uma estrutura de serviços essenciais que viabilizem as atividades econômicas ali.

Veja também: Gasoduto para transporte de gás natural – uma alternativa para uma indústria mais competitiva.

Ou seja, quando falamos em saneamento básico podemos pensar em saúde, renda e progresso, que impactam positivamente a comunidade e de forma direta as pessoas. Assim, essas atividades são fundamentais para a sociedade, portanto, indispensáveis.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *