Logo da Etesco Construções
Menu

Como evitar os principais impactos ambientais na construção civil

Atualizado em 20/07/2021
Tempo de leitura: 2 min.
Ao fundo da imagem, há entulhos sobre uma via pública.

A construção civil é um dos setores com maior probabilidade de sofrer impactos ambientais, impactos estes que podem ir desde o consumo de recursos naturais, até a produção de insumos para o canteiro de obras, ou mudanças de solo, área de vegetação e reflexos no aumento do gasto de energia elétrica. Muitos acabam sendo necessários para que a indústria continue ajudando o país a se desenvolver, mas, alguns deverão ser evitados, ou seja, o gestor precisará conhecer esses efeitos, e buscar um alinhamento de suas obras, para que os danos possam ser minimizados.

Continue nos acompanhando para saber mais informações sobre este assunto, e de que forma é possível diminuir esses impactos gerados pela construção civil.

Construção civil e impactos ambientais: o que fazer?

A construção civil também é conhecida por ser uma atividade que interfere na natureza, gerando grandes impactos ambientais, conforme dito anteriormente. Por isso, a redução desses impactos é um dos fatores a serem tratados como prioridade pelos departamentos ambientais das construtoras.

E você sabe o que pode ser feito para minimizar esses efeitos? Vamos começar:

Controlar as licenças ambientais

Todas as empresas que prestam serviços de destinação ou transformação de algum tipo de material precisam ter uma licença ambiental para realizar suas operações. Essa licença garante que a empresa seja fiscalizada, e assim seja considerada apta para tal atividade. Portanto, devem-se direcionar materiais ou adquirir serviços de empresas com licenciamento ambiental vigente, sendo uma das tarefas mais importantes na diminuição dos impactos.

Elaborar um programa de redução de resíduos

Os programas de redução de resíduos existentes são bastante importantes, pois as obras são responsáveis por gerar uma montanha de entulhos, plásticos, ferragens, ferramentas, entre outros materiais. Isso tudo sem contar os grandes volumes de terra, deslocados na execução das obras. Por isso, é importante reduzir a geração desses resíduos, pois assim a empresa poderá economizar recursos, e ao mesmo tempo, tornar sua operação mais sustentável possível.

Mudanças em depósitos hídricos naturais

O gasto hídrico também pode ser notado em obras hidráulicas, quando elas não são bem executadas, e em tubulações que apresentam problemas. Como os canos estão sempre embutidos ou escondidos, alguns vazamentos são percebidos apenas com o aumento na conta de água, ou por complicações que podem demorar em aparecer.

Dependendo da localização da obra, ela poderá ser responsável por afetar os lençóis aquáticos ou a impermeabilização do solo, portanto, esses lugares devem ser bem avaliados, para que os impactos sejam os menores possíveis e não existam maiores desastres.

 TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entenda qual é o conceito de cidades inteligentes e descubra a importância que ele tem para garantir mais qualidade de vida nos centros urbanos.
Ler Mais
Você sabe quais são as vantagens de utilizar pré-moldados no canteiro de obras? Entenda como esse tipo de estrutura contribui com o trabalho na construção civil.
Ler Mais
1 2 3 45

© ETESCO, 2021. Todos os direitos reservados. | Desenvolvido por Surya Marketing Digital.

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram