Logo da Etesco Construções
Menu

Como funciona o seguro de obra e qual a sua importância?

Atualizado em 05/07/2021
Tempo de leitura: 3 min.

O seguro de obra é uma modalidade de seguro da construção civil, sendo responsável pela integridade física dos trabalhadores e por evitar prejuízos com cargas e materiais.

A imagem mostra prédios em construção.

Gostaria de saber como funciona esse tipo de seguro? Então, continue nos acompanhando!

Para que serve o seguro de obra?

Sabemos que o canteiro de obras é um lugar bastante exposto e que está mais suscetível a acidentes. Assim sendo, então, é fundamental a contratação de um seguro de obra, principalmente se estiver iniciando uma construção.

O objetivo do seguro de obra, assim como o seguro de vida, de automóveis, casa, entre outros, é oferecer recursos financeiros para cobrir possíveis prejuízos, caso aconteça algum imprevisto.

Entre os problemas mais comuns que podem surgir durante a realização de uma obra, podemos destacar:

  • Falhas em máquinas e equipamentos;
  • Acidentes de trabalho;
  • Desastres naturais.

Todos esses problemas podem gerar prejuízos, tanto materiais quanto físicos, afetando diretamente os trabalhadores e a empresa.

Portanto, ambos precisam de suporte e em qualquer uma dessas situações, quando se contrata um seguro de obra, a construtora terá onde pedir ajuda.

Qual a importância do seguro de obra?

Os profissionais da construção civil sabem que esse é um setor com muitos riscos envolvidos, como por exemplo, maquinário pesado, objetos cortantes e altura, que deixam o trabalho mais vulnerável.

E talvez você até se pergunte se realmente é necessário fazer um seguro de obra. A resposta é sim, pois não importa se ainda não aconteceu nenhum acidente grave antes, a segurança de todos deve ser preservada.

Além disso, existem outros motivos para que esse tipo de seguro seja contratado pela construtora, entre eles:

Continuar a obra sem prejuízos

Vamos pensar em um grande projeto, que já está sendo produzido há um tempo, e no meio de milhões de reais investidos, ocorre um acidente nesse mesmo canteiro de obras. Por mais que ninguém tenha se ferido, todo o trabalho será arruinado, certo?

Então, dependendo das condições financeiras da construtora, a obra pode se tornar inviável e a empresa terá que arcar com o prejuízo, tirando do seu próprio bolso.

Mas, quando ela já tem um seguro de obra, com a cobertura necessária em casos como este, o projeto poderá continuar e ainda garantir lucros.

Resguardar a empresa

Pensando em outra situação, semelhante à anterior. A construtora fez uma parceria com outra empresa ou obra terceirizada. De repente, ocorre um grave acidente, estragando o projeto.

A empresa que está cuidando da obra seria a responsável legal pelos danos e se estiver sem um seguro, dificilmente terminará de outra maneira que não seja uma briga judicial com o proprietário daquele empreendimento.

Neste caso, o seguro de obra evita gastos com advogados e a construtora não corre o risco de perder a ação e ter que reembolsar o valor perdido.

Cumprir com a legislação

A lei exige a contratação de um seguro de obra para blindar não apenas a empresa envolvida, mas tudo o que estiver relacionado a ela. Sendo assim, deixar de contratar esse tipo de seguro seria algo imprudente.

Como escolher o melhor seguro de obra?

Antes de tomar qualquer decisão, primeiro você precisa entender qual é o melhor seguro de obra existente no mercado. É importante considerar os seus custos, o suporte e o que a seguradora pode oferecer em seu pacote.

Caso você ainda não saiba por onde começar, ou não tenha muito tempo para pensar nisso, consulte um especialista em seguros de obras para receber o auxílio necessário. Ele poderá te ajudar a descobrir suas reais necessidades e indicar o mais adequado.

Uma dica: Muitas corretoras de seguros estão disponíveis para serem consultadas, basta você conversar bastante até que suas dúvidas sejam esclarecidas.

Qual o custo para contratar um seguro de obra?

Geralmente, o seguro custa cerca de 0,3% do valor da obra. Esse preço pode variar de acordo com o tipo de cobertura contratada e as características que a obra apresenta.

Por exemplo, para uma reforma com o valor de R$ 100 mil, você consegue sair no lucro, pois o seguro de obra será em torno de R$ 250,00.

Para finalizar, podemos dizer que é sempre melhor prevenir do que remediar. Então, não deixe de contratar um seguro de obra antes de iniciar o seu projeto. Assim, você pode garantir segurança para todos e evitará prejuízos.

Agora queremos saber: o conteúdo foi esclarecedor? Possui alguma dúvida? Deixe um comentário abaixo para que possamos te ajudar.

E compartilhe em suas redes sociais! Até o próximo post!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As obras de infraestrutura auxiliam o desenvolvimento do país. Confira quais os principais desafios de obras de infraestrutura!
Ler Mais
A mobilidade urbana ainda enfrenta diversos desafios no Brasil, mas a melhoria dela é fundamental, inclusive para a qualidade de vida das pessoas. Entenda!
Ler Mais
1 2 3 44

© ETESCO, 2021. Todos os direitos reservados. | Desenvolvido por Surya Marketing Digital.

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram