Logo da Etesco Construções
Menu

Equipamentos de dragagem: descubra quais são os principais

Atualizado em 19/07/2021
Tempo de leitura: 3 min.

O que é dragagem?

A dragagem é um processo que engloba a remoção de parte do fundo do mar, canais, barragens, entre outros. Mas, você sabe quais são os principais equipamentos de dragagem?

Equipamentos de dragagem: descubra quais são os principais | Etesco Construções

No post de hoje, falaremos mais sobre este assunto. Continue nos acompanhando!

Principais etapas do processo de dragagem

Quando um determinado projeto não leva em consideração os fatores ambientais, assim como os tipos de sedimentos e profundidade do campo hídrico, todo o trabalho poderá ser colocado em risco.

No caso da dragagem, isto não é diferente, e por isso, existem algumas etapas, que devem ser seguidas para que o procedimento tenha resultados positivos.

Etapa 1 - Batimetria

Essa etapa é indispensável. Isto porque a batimetria é o que ajudará no reconhecimento da área, além de fornecer dados por meio da profundidade dos lagos industriais, mares, rios e lagos, medidos por meio de eco sondas.

Etapa 2 – Definição do projeto

Após a coleta de informações, tanto do campo hídrico quanto da profundidade, e também da área onde será feito o procedimento, é o momento de definir a quantidade de materiais, bem como o tipo de dragagem adequada.

Essa escolha dependerá muito do tipo de sedimento que será dragado. Além disso, deverá ser definido um local seguro, para o tratamento e descarte dos mesmos.

Etapa 3 - Execução do projeto

Profissionais de engenharia civil, ambiental, química, oceanógrafos e geotécnicos são os responsáveis por acompanhar todos os projetos de dragagem, bem como reduzir as chances de riscos durante a operação.

Durante o processo, de acordo com as condições do local, devem ser utilizados equipamentos de dragagem específicos, para que o trabalho seja realizado corretamente.

Etapa 4 - Finalização

Na etapa de finalização, a batimetria também é utilizada. Assim sendo, são coletados dados que possibilitam um comparativo de informações, entre início e final de todo o projeto.

Vale lembrar que as dragagens são operações consideradas complexas, uma vez que envolvem alguns riscos. Isto significa que é muito importante analisar de maneira qualificada todo o processo.

Quais são os equipamentos utilizados?

A escolha correta dos equipamentos de dragagem também compõe uma etapa fundamental, e ao mesmo tempo, um pouco complexa.

Conforme dissemos, deve-se levar em conta a finalidade do projeto, a profundidade do corpo hídrico, os tipos de sedimentos a serem dragados, as condições da área, e diversas outras variáveis.

Draga de sucção em arrasto (TSHD)

A draga de sucção em arrasto (TSHD) é conhecida popularmente como Hopper, e caraterizada como uma embarcação versátil, uma vez que une dragagem e descarga no mesmo equipamento.

Esse equipamento realiza a sucção do material, e deposição em cisterna, para que seja feito o transporte até o local do descarte.

Esse tipo de draga é indicado quando o projeto precisa lidar com diversos tipos de solo, desde silte ou areia, até os mais grossos.

Dragas de sucção e corte (CSD)

Também conhecida como dragas de sucção e recalque, a CSD faz a combinação entre dois princípios básicos, como escavação e sucção. Basicamente, ela funciona como uma ferramenta rotativa de corte.

Assim sendo, o solo é desalojado para que o tubo de sucção possa ser transportado. E por este motivo, ela pode ser usada em todos os tipos de solo, desde areia, cascalho até materiais compactos ou solos de materiais duros, como argila, rocha, entre outros.

Clamshell - Grab Dredge

Essa draga funciona como um guindaste, com o conjunto de duas caçambas, ou ‘mandíbulas’, que podem ser acionadas hidraulicamente ou mecanicamente.

Seu tamanho e capacidade de volume podem variar, de acordo com a sua finalidade. Porém, os mais utilizados em nosso país apresentam entre 1 m³ a 8 m³. Em geral, ela pode ser utilizada para a remoção de solos submersos.

Escavadeira anfíbia

A escavadeira anfíbia é uma tecnologia que pode ser utilizada em qualquer local, mais especificamente em lugares que apresentem um leito de água, e que ao mesmo tempo, exigem a remoção mecânica de sedimentos, bem como outros materiais.

Esse equipamento pode ser usado para:

  • Escavar em solos escorregadios;
  • Trabalhos florestais;
  • Remoção de vegetação invasora em rios e lagos;
  • Construção de diques.

Diferente da função da draga, que precisa de um ambiente mais ou menos líquido, com esse equipamento é possível realizar o procedimento completo, mesmo que exista pouca água no local.

Além disso, essa escavadeira apresenta um maior desempenho em seu deslocamento, assim como sua operação em áreas alagadas.

Assim sendo, ela oferece uma facilidade maior no trabalho de limpeza, impedindo que materiais degradáveis atrapalhem o processo.

Agora que você já sabe quais são os equipamentos de dragagem, conte-nos o que acha de cada um deles. Deixe um comentário abaixo!

E compartilhe o conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 | 26 / 11 / 21
Você conhece as diferentes tecnologias utilizadas para o desenvolvimento de equipamentos de dragagem? Conheça quais são elas e suas características.
Ler Mais
 | 26 / 10 / 21
Sabia que a dragagem é composta por diferentes etapas? Veja como esse processo é realizado e ainda conheça os diferentes tipos de dragagem.
Ler Mais
1 2 3 5

© ETESCO, 2021. Todos os direitos reservados. | Desenvolvido por Surya Marketing Digital.

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram