Menu
Logo da Etesco Construções

Quando usar concreto armado na obra? Descubra!

Atualizado em 15/07/2021
Tempo de leitura: 3 min.

O concreto armado é caracterizado como uma estrutura que faz uso de armações feitas com barras de aço. Essas ferragens costumam ser utilizadas por conta da baixa resistência aos esforços de tração do concreto.

A imagem mostra blocos de concretos armados com viga.

Continue nos acompanhando para saber mais sobre o concreto armado, suas vantagens e descobrir quando ele pode ser utilizado na obra!

Qual a finalidade do concreto armado?

Criado em 1849 por um engenheiro francês, inicialmente o concreto armado não fez muito sucesso. Até que, em meados do século XX, quando surgiram as primeiras formas de tecnologia na engenharia, ele passou a ser essencial em vários projetos.

E o conceito que existe por trás deste material é bem simples. É utilizada uma armação de aço, que é preenchida por concreto. Cada um com suas vantagens, alinhadas entre si.

O aço, por exemplo, possui baixa resistência à tração e compressão, podendo ser moldado de formas diferentes, como curvas. E o concreto, por sua vez, é viscoso em suas etapas de fabricação, mas apresenta uma alta resistência à compressão.

Ao unir os dois, é possível ter um material muito versátil, que pode ser empregado em vários momentos dentro de uma obra, sendo eles:

  • Blocos;
  • Vigas;
  • Pilares;
  • Lajes;
  • Sapatas;
  • Paredes, entre outros.

Mas, para que exista mais segurança, é fundamental ter equipes especializadas neste assunto. Isto porque, cada uma dessas estruturas precisa ser dimensionada de maneira específica para a proporção de concreto e de aço, com o objetivo de manter a segurança.

Portanto, nesta etapa, é muito importante o trabalho de engenheiros e calculistas para analisar o concreto, o número de bitolas de aço, o espaçamento, entre outros.

Mesmo diante de todos os benefícios e qualidades, é importante entender que esse tipo de concreto é indicado para determinados tipos de obras.

Além disso, existe a possibilidade de ter uma parte dele pré-pronta, o que pode facilitar um projeto de construção. E isto permite que as obras sejam realizadas em escala maior e menor tempo.

Outras características do concreto armado

Na construção civil, o concreto armado é reconhecido por conta de seus diferenciais, tais como a facilidade de fabricação e a versatilidade.

Facilidade de fabricação

Não é necessário passar por processos de produção avançados para chegar a uma estrutura de concreto armado. Apenas com equipamentos de processamento de concreto e mão de obra, já é possível produzir tudo com mais agilidade.

Versatilidade

O concreto fresco é altamente viscoso. Isto significa que ele adquire a conformação das formas onde é inserido. Desta forma, então, você poderá criar diversas configurações, adequando às exigências do projeto e explorando superfícies, texturas e tamanhos.

Principais vantagens do concreto armado

Diante de todos os detalhes anteriores, podemos destacar alguns benefícios que esse material pode levar ao canteiro de obras, entre eles:

Durabilidade

Em geral, a vida útil de uma estrutura de concreto armado vai depender de suas características, como por exemplo, a espessura, a tração e quantidade de barras utilizadas.

Ainda assim, é considerada uma das mais altas na construção civil, sendo muitas vezes superior a 100 anos. Isto porque o aço e o concreto são materiais muito resistentes à deterioração.

E mesmo que ocorra algum desgaste natural, felizmente existem medidas de restauração importantes, que podem ajudar a aumentar ainda mais a durabilidade.

Resistência

Esse é um dos grandes diferenciais do concreto armado, uma vez que, ao reforçar o concreto com armação metálica, é possível que a resistência à tração aumente de forma considerável.

Então, quando for submetido a qualquer movimento, logo a estrutura de aço absorve o impacto, evitando a quebra do concreto.

Mesmo havendo rachaduras, a armação também pode manter a segurança da edificação por um longo tempo, evitando acidentes.

Por isso, ele é bastante utilizado em diversas regiões suscetíveis a terremotos, depois de passar por tratamentos específicos.

Custo manutenção

Outro benefício é o baixo custo de manutenção, levando em consideração que existem vários serviços especializados em concreto.

Desta forma, uma oferta maior poderá ajudar a manter os preços mais competitivos no mercado.

Além disso, os materiais utilizados no reparo costumam ser simples, e a tecnologia também pode ajudar nas ações necessárias.

Recursos otimizados

Mesmo precisando de calculistas para que exista um direcionamento correto, o concreto armado é um dos materiais que exigem menos mão de obra. E você poderá obter esse tipo de concreto através da terceirização de serviços, com pré-fabricados.

Além disso, são utilizados na fabricação o aço e o concreto, materiais relativamente baratos, que fazem com que os custos sejam reduzidos em relação a outros processos.

Você já trabalhou com concreto armado em sua obra? Conte-nos qual foi a sua experiência com esse material?

Compartilhe o conteúdo em suas redes sociais!

E nos vemos no próximo post!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

O graute é um tipo de argamassa ou concreto específico que apresenta uma consistência um pouco mais fluida. Saiba onde ele pode ser aplicado!
Ler Mais
Entre as patologias mais comuns da construção civil estão as rachaduras e fissuras. Mas, será que elas são a mesma coisa? Entenda as diferenças!
Ler Mais
1 2 3 56

© ETESCO, 2022. Todos os direitos reservados. | Desenvolvido por Surya Marketing Digital.