Menu
Logo Links Úteis | Etesco

Conheça os principais tipos de cimento e sua importância para a obra

Atualizado em 09/12/2022
Tempo de leitura: 2 min.

O cimento é um dos materiais mais comuns e muito utilizado no canteiro de obras. E você sabia que existem aproximadamente onze tipos de cimento que são destinados para as construções? 

Canva | Fonte: Rodolfo Quirós

No post de hoje, você vai conhecer os principais tipos de cimento e entender a importância desse material. Continue nos acompanhando!

Por que existem diferentes tipos de cimento? 

Podemos dizer que as diferenças entre os cimentos existem por conta das adições feitas no processo de moagem. Assim sendo, então, nem todos os cimentos são iguais e o ideal é analisar para saber exatamente qual será necessário na construção.

Em geral, essas diferenças também envolvem propriedades específicas e várias outras características que fazem com que o cimento seja mais ou menos adequado para alguma aplicação. 

Quais são os tipos de cimento? 

Conforme dissemos, existem alguns tipos de cimento e abaixo vamos destacar os principais para que você conheça.

CP I 

CP é a sigla utilizada para Cimento Portland, que homenageia o inventor do cimento moderno, Joseph Portland. Por sua vez, o CP I é um dos mais básicos que se pode encontrar no mercado.

Sua pega é retardada por conta da adição de gesso e seu tempo de aplicação é maior. Embora tenha uma resistência menor, pode ser usado em diversas construções. 

CP I-S 

Apresenta uma fórmula de base semelhante ao anterior, incluindo as mesmas aplicações. O que os diferencia é a pequena quantidade de pozolânico, que faz com que esse seja um tipo de cimento com uma permeabilidade menor.  

CP II-F

Esse é um tipo de cimento que libera menos calor e sua composição apresenta até 10% de material carbonático. Pode ser utilizado em aplicações gerais, seja em concreto armado, simples ou protendido.

Além desses, também podemos destacar como tipos de cimento que são utilizados em diversas obras: 

  • CP II-Z: utilizado em obras subterrâneas ou construções onde existe contato com água;
  • CP III: possui alta durabilidade, impermeabilidade, resistência a sulfatos e tem um baixo calor de hidratação;
  • CP IV: contém pozolânico, sendo bastante durável e impermeável, garantindo estabilidade em ambientes que podem sofrer com ataques ácidos. 
  • CP V: sem adições e com alta resistência inicial, maior do que os cimentos convencionais.

E qual a importância do cimento em uma obra? 

O cimento é a base para criar a massa que será responsável por unir outras matérias-primas e assim formar a estrutura necessária, ou seja, colocar a obra de pé e fazer o projeto ter andamento.

Gostou do conteúdo? Já conhecia os tipos de cimento? Deixe o seu comentário abaixo e até o próximo post!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Descubra por que o Estudo de Impacto Ambiental é vital em projetos de construção, promovendo decisões informadas e sustentáveis.
Ler Mais
Saiba como a gestão de projetos na construção predial pode garantir o sucesso de empreendimentos. Clique aqui e saiba mais!
Ler Mais
1 2 3 107

Desenvolvido por Surya Marketing Digital.

Todos os direitos reservados © 2024
Site atualizado em:
08:31 | 12/06/2024